Notícias

Postado em 28 de Setembro de 2018 às 13h39

Observatório Social apresenta no Simec ações contra corrupção

Simec - Chapecó/SC O movimento "Unidos Contra a Corrupção" foi apresentado em reunião da diretoria do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânica e do Material Elétrico de...

O movimento "Unidos Contra a Corrupção" foi apresentado em reunião da diretoria do Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânica e do Material Elétrico de Chapecó (Simec). Estiveram presentes para mostrar as finalidades dessa ação representantes do Observatório Social, que apresentaram o movimento e indicaram que podem participar cidadãos e empresas.

Em nome do Observatório Social, Luiz Henrique Gemelli, Ozama Simon e Vilmar Luiz Mattiello especificaram, no início da manhã de quinta-feira, 27 de setembro, que o movimento, entre outras ações, conta com 70 propostas legislativas e regulatórias contra a corrupção. Para o levantamento, foram consultadas 373 instituições e participaram da elaboração mais de 200 especialistas, revisores e consultores. Indicaram que qualquer pessoa, bem como as empresas, podem participar, mediante acesso ao site www.unidoscontraacorrupcao.org.br. Nesse mesmo site os candidatos às próximas eleições podem estabelecer obrigações com base nos critérios de passado limpo, compromisso com a democracia e apoio a novas medidas contra a corrupção, e a consulta permanece aberta aos eleitores.

"O Brasil precisa de atitudes como esse movimento, que tem importância fundamental para moralizar inúmeras práticas em relação à vida pública", avalia o presidente do Simec, Adilson Campos. Para ele, nesse sentido no que depender das empresas e das pessoas é preciso haver a participação, para que surjam novas atitudes e seja melhorada a situação atual, principalmente de desrespeito ao dinheiro público. O empresário também destaca o esforço e o tempo dedicado por lideranças que participam de movimentos como o Observatório Social para melhorar o quadro de descrença nas instituições e nos agentes públicos, não somente no período pré-eleitoral, mas também depois no acompanhamento.

As diretrizes
As propostas contra a corrupção têm o apoio da organização Transparência Internacional e da Fundação Getúlio Vargas (FGV), através do curso de Direito. O pacote inclui anteprojetos de lei, propostas de Emenda à Constituição, projetos de resolução e outras normas voltadas para o controle da corrupção. Entre outros aspectos, contém diretrizes sobre prevenção à corrupção, medidas para eleições e partidos, responsabilização dos agentes públicos, medidas anticorrupção no setor privado, melhorias do controle interno e externo, investigação e aprimoramentos quanto aos âmbitos penal, processual e da improbidade administrativa.

EXTRA COMUNICA - Hugo Paulo Gandolfi de Oliveira-Jornalista/MTE4296RS - 28/09/18

Veja também

Workshop no Simec apresentará Programa de Excelência na Gestão10/10/18 Apoiar a implementação do modelo de excelência da gestão nas empresas, sejam elas públicas, privadas ou instituições sem fins lucrativos, de forma a contribuir com o amadurecimento na gestão. Essa é a finalidade do Programa de Excelência na Gestão (PEG), conduzido em Santa Catarina pelo Movimento Catarinense de Excelência, ou......

Voltar para Notícias