(49) 3323 3102
simec@simeconline.org.br
Notícias
Simec
Seja um
Associado

Notícias

Postado em 09 de Setembro de 2016 às 11h30

Consultor orienta no Simec sobre atuação no mercado internacional

SIMEC - Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Chapecó/SC      Para atuar no mercado internacional, é necessário que a empresa defina claramente suas estratégicas de...

     Para atuar no mercado internacional, é necessário que a empresa defina claramente suas estratégicas de exportação, conheça o mercado e faça o adequado planejamento, pois se não fizer isso é como “dar um passo no penhasco”. Essa afirmação foi feita em palestra organizada pelo Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Chapecó (Simec), pelo consultor Leandro Vieira. Ele falou para empresários e profissionais de empresas do setor eletrometalmecânico que atuam ou desejam atuar no mercado externo.
     A palestra, realizada nesta quinta-feira, 01 de setembro, em conjunto com a Diamond Business Consulting, teve o tema central “Exportar para crescer: a hora é agora!”. Ao abrir o evento de atualização, o presidente do Simec, Mário Nóri de Oliveira, destacou que a exportação é uma prática importante que pode ser melhor utilizada pelo setor eletrometalmecânico. “É preciso ter o espírito de comércio exterior que há em outros países, como a China e a Coréia do Sul”, exemplificou o empresário.
     Os principais enfoques foram sobre o domínio da cultura do comércio internacional, a melhoria de processos para ampliar os negócios, a redução de riscos e o cuidado com a dependência de mercados em crise. Especialista em comércio externo com MBA em Negócios Internacionais, Leandro Vieira é responsável pelos programas da Fundação Dom Cabral no Oeste de Santa Catarina e atuou em atividades de negócios no exterior em países como Emirados Árabes, Líbano, Arábia Saudita, Venezuela e Bolívia.
     Na palestra, o consultor enfatizou que melhorar os produtos é uma forma de “ganhar a exportação”, além de conhecer a cultura de mercados e produtos, com a realização de estudos em profundidade. Acrescentou ser preciso adotar flexibilidade para superar paradigmas ao desenvolver o comércio internacional, ter disposição para mudar e possuir capacidade instalada ao se propor a atender o cliente externo.

EXTRA COMUNICA - Hugo Paulo Gandolfi de Oliveira-Jornalista/MTE4296RS 

Veja também

Empresas do setor eletro-metalmecânico terão cursos de curta duração no Senai 01/08/14      Um conjunto de capacitações foi definido pelo Sistema Fiesc para os sindicatos filiados, através de cursos organizados pelo Senai de Chapecó voltados ao aperfeiçoamento em diversas áreas. Entre esses cursos, estão capacitações dirigidas ao setor eletro-metalmecânico, para atender demandas de associados do Sindicato das......
Simec e Sesi promovem workshop sobre saúde e segurança do trabalho07/07/16    Gerentes ou responsáveis pela área de recursos humanos, equipes ou profissionais que respondem pela gestão da saúde e segurança do trabalho das indústrias, proprietários ou sócios de......

Voltar para (Notícias)